Paços aproxima-se do título

Castores vencem o Mafra (2-0)

O FC Paços de Ferreira somou a 22ª vitória na Liga, ao derrotar o CD Mafra (2-0) no Estádio Capital do Móvel. Elves Baldé fez os dois golos que deixam os Castores a uma vitória de alcançar o título da II Liga.
A equipa mafrense confirmou na Mata Real ser um adversário que pratica bom futebol e dificultou bastante a tarefa do Paços, nomeadamente no primeiro tempo. Durante esse período o jogo praticamente não teve situações de golo, excetuando o remate de Elves que ditaria a vantagem dos Castores. Foi aos 37’ que o jovem extremo fletiu para a zona frontal da área e rematou forte, sendo que o desvio num adversário propiciou um efeito esquisito à bola e esta acabou por entrar perante alguma atrapalhação do guarda-redes mafrense. Uma vantagem que chegou na hora certa e acabou por desbloquear um jogo complicado.
Se o Paços saiu bem do primeiro tempo, entrou melhor na segunda parte e cedo resolveu a partida. Uma grande jogada coletiva da equipa levantou o Estádio quando Elves introduziu a bola nas redes (51’). Rafael Barbosa, Luiz Carlos e Bruno Santos construíram o melhor momento do jogo, culminado com a finalização de Elves à boca da baliza. Foi também o melhor período do Paços no jogo e dez minutos depois Elves esteve perto do hat-trick, quando rematou colocado e a bola passou rente ao poste da baliza de Godinho. O Mafra, entretanto, adiantou a equipa no terreno e esteve perto de reduzir (67’), valendo um grande corte de Junior Pius que tirou de forma acrobática a bola em cima da linha de golo. O Paços tentava surpreender a equipa visitante com saídas rápidas para o ataque e criou mais duas situações de perigo. Primeiro com um remate de Rafael Barbosa para defesa do guarda-redes e, em cima do minuto 90, foi a vez de Bruno Teles fazer uma grande assistência para Paul Ayongo falhar a concretização em cima da linha de golo. A vitória dos Castores foi justa, perante um adversário que se apresentou com atitude positiva na Mata Real e dificultou ao máximo a tarefa pacense. Com este triunfo, a duas jornadas do final da II Liga, o Paços precisa de três pontos para conquistar o título. No próximo sábado (11h00) é fundamental o apoio de todos os adeptos para que no Leixões (11h00) esse segundo objetivo da temporada possa ser alcançado.

Estádio: Capital do Móvel

Árbitro: Marco Cruz (Porto), auxiliado por José Mira e Nuno Ferreira
Disciplina: Cartão Amarelo: Bruno Teles (14’); Bruninho (29′); Gui Ferreira (53′) e Ministro (84)

FC PAÇOS DE FERREIRA: Ricardo Ribeiro; Bruno Santos, Marco Baixinho, Junior Pius e Bruno Teles; Diaby, Luiz Carlos e Pedrinho (Pedrinho, 65’); Rafael Barbosa (Christian, 79′), Paul Ayongo e Elves Baldé (Osei Barnes, 65′).
Não utilizados: Carlos Henriques; Marcos Valente, André Leão e Gonçalo Gregório.
Treinador: Vítor Oliveira

CD MAFRA: Godinho; Rúben Feitas, Ventosa, Juary e Gui Ferreira; cuca, Rui Pereira (Gonçalo, 60’), Zé Tiago e Bruninho; Flávio (João Paredes, 60’) e Harramiz (Ministro, 78’).
Não utilizados: Nuno Silva, P. Ferreira, Gui e Vinícius Tanque.
Treinador: Nuno Capucho

Ao intervalo: 1-0

Resultado Final: 2-0

Marcadores: 1-0 Elves Baldé (37′); 2-0 Elves Baldé (51′)

Noticias Relacionadas